Os principais mitos sobre Drywall

1 – Drywall é resistente?

 

É comum a ideia de que o drywall não é um material resistente. Porém, apesar da pequena espessura das placas, os fabricantes asseguram que o material é capaz de resistir a tremores, choques e vibrações sem sofrer danos. Além disso, comporta a instalação de portas, absorvendo os impactos do dia a dia como movimentos e batidas.

Para garantir a alta resistência do material, recomenda-se que a instalação seja feita por profissionais especializados, tomando-se sempre cuidado para que o dimensionamento esteja adequado ao pé-direito da edificação. A espessura das placas estará condicionada a essa questão e também às cargas a que o sistema estará submetido (instalação de bancadas de pedra, móveis, etc.).

Em condições normais, a durabilidade do drywall é indeterminada. Cabe lembrar que para que esteja disponível no mercado, o sistema drywall foi aprovado em testes de impacto e desempenho, cumprindo as exigências da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

2 – Drywall e a umidade

 

Outra questão muito recorrente na discussão sobre o uso do drywall é quanto à sua resistência à umidade. Neste caso, tudo vai depender do ambiente em que o sistema será instalado e a condição de umidade do local.

O drywall foi desenvolvido apenas para uso em áreas internas, pois não suporta intempéries nem grandes cargas como telhados ou lajes. Porém, pode ser utilizado em áreas internas úmidas como cozinhas e banheiros.

Existem chapas desenvolvidas especificamente para esse fim, que contém em sua fórmula hidrofugantes (repelentes à água) que protegem a superfície contra respingos, derramamentos e vapor condensado. Essas placas também são conhecidas como “placas verdes”.

Em áreas constantemente molhadas, como box de banheiros, é necessária a impermeabilização da parede, que pode ser feita com mantas asfálticas.

A iluminação também é um elemento essencial! Confira como fazer o projeto de iluminação ideal para o banheiro

3 – Isolamento térmico e acústico

 

Ao contrário do que se pensa, as divisórias em drywall podem oferecer isolamento termoacústico. O produto por si só já possui bom isolamento acústico e desempenho térmico, porém pode-se aumentar o rendimento incluindo entre as chapas materiais fibrosos, como lã de rocha ou lã de vidro, atribuindo características de absorção, atenuação e isolamento de sons e estabilizando a temperatura.

Visando atender essas necessidades, os fabricantes desenvolveram linhas especiais de produtos específicos para cada tipo de situação. Para verificação dos índices termoacústicos dos diferentes tipos de chapas, as empresas disponibilizam tabelas com o desempenho de cada produto.

como-funciona-drywall-esquema-protecao-acustica

4 – Usos variados

 

O drywall pode ter muitas outras aplicações além de paredes e forros, porém sua versatilidade é pouco explorada pelos profissionais da área. O sistema pode ser utilizado tanto em projetos residenciais como em estabelecimentos comerciais ou industriais, em obras novas, reformas e retrofit.

Apesar do uso mais comum estar relacionado a paredes de vedação interna e forros, o drywall também é uma solução muito adequada para situações em que é preciso esconder tubulações (shafts), engrossar paredes, cobrir aberturas ou reparar algum erro de execução na obra.

De fácil manejo e montagem, o material também pode ser utilizado na montagem de móveis fixos, painéis artísticos, cortineiros e sancas, permitindo inclusive ser modelado em formato curvo.

5 – Instalação de objetos e móveis pendurados no drywall

 

Um impedimento que muitos profissionais alegam em relação uso do drywall é a suposta impossibilidade de se pendurar objetos nas paredes, assim como móveis e outros.

Esse é um dos grandes mitos sobre o drywall. Em condições de execução adequada, o sistema pode receber inclusive bancadas embutidas, desde que não ultrapassem a média dos 60kg/m2. Acima desse peso, deve ser executado um reforço na estrutura metálica com resistência adequada à carga que será recebida (que pode ser uma placa de madeira ou chapa metálica fixada entre dois perfis verticais de aço – os mesmos onde é parafusado o gesso).

Equipamentos como TV e ar condicionado tipo split também podem ser instalados nas paredes em drywall, assim como armários e móveis suspensos, quadros e outros objetos.

Geralmente os fabricantes indicam o uso de bucha de fixação específica para objetos de até 10kg. Para elementos de peso entre 10kg e 40kg devem utilizadas buchas fixadas nos montantes.

6 – Uso de revestimentos em parede drywall

 

Também contrariando o senso comum, paredes em drywall podem receber acabamentos e revestimentos como pintura, texturas, cerâmicas, pastilhas, laminados, madeira e outros. Nesse caso, o assentamento deve ser executado com massa específica para garantir a aderência do produto. Materiais muito pesados necessitam de cantoneiras para distribuir uniformemente as cargas nos montantes metálicos.

como-funciona-drywall-esquema-de-revestimento-banheiro

Como funciona drywall: esquema de revestimento de parede em drywall de banheiro

7 – Dificuldades de instalações elétricas/hidráulicas

 

Outra questão erroneamente difundida sobre o drywall é que ele não permite a passagem de tubulação para instalações hidráulicas, elétricas e de telecomunicação. Ao contrário do que se pensa, o drywall permite a introdução de eletrodutos e canos pelo interior de sua estrutura, através do sistema de fixação a pólvora em tetos ou aparafusadas em perfis de aço galvanizado.

Essa inclusive é uma grande vantagem do uso do drywall, já que na ocorrência de algum problema nessas instalações é muito fácil acessá-las para fazer os devidos reparos, sem a necessidade de quebrar toda a parede.

8 – Custos

 

“Drywall é mais caro que alvenaria”. Muito se ouve que construir com drywall tem um custo maior que construir com alvenaria de tijolos. Para uma correta avaliação, outros pontos devem ser analisados além do custo do material, entre eles o tempo de execução, o volume de mão-de- obra e o desperdício de materiais. Nesse caso, o drywall apresenta vantagens em todos os pontos.

Por ser um material de instalação rápida e fácil, diminui-se consideravelmente o tempo de execução do drywall em relação à alvenaria, além da alta qualidade do acabamento.

Como o sistema pode ser facilmente quantificado a partir do projeto, tem-se um uso mais racional do material, evitando o desperdício e gastos extras. A execução é muito limpa e gera custos significativamente menores de remoção de entulho. Enquanto a alvenaria produz cerca de 20% de resíduos de obra, o drywall produz apenas 5% e seus resíduos são 100% recicláveis.

Se você ainda tem dúvidas sobre as vantagens do drywall além dos pontos mencionados acima, outras vantagens também podem ser atribuídas ao uso do drywall, entre elas:

  • Espessura mais fina das paredes: o sistema permite a construção de paredes mais delgadas, com 10cm de espessura, proporcionando ganho de área útil na construção que pode chegar a 4%;
  • Resistência ao fogo e imunidade ao ataque de fungos e insetos;
  • Leveza: a chapa de drywall é mais leve que os materiais convencionais usados na construção civil, ocasionando menos peso nas lajes dos edifícios;
  • Maior flexibilidade no layout: devido à facilidade de construção e remoção, o drywall permite maior arranjo de divisórias internas, o que significa, por exemplo, mais opções de plantas em edifícios de apartamentos.

 

Fonte: Knauf


Para mais informações e pedido de orçamento deixe seus dados no formulário abaixo que em breve retornaremos:

Anúncios

4 tipos de acabamentos para drywall

Quem disse que não se pode inovar com drywall?? Este sistema construtivo além de versátil e funcional é também esteticamente bonito e deixa seu ambiente mais elegante se usado com acabamento ideal para combinar com seu espaço. Vamos lá abaixo deixamos 4 tipos de acabamentos que podem ser usados nas paredes drywall sem medo:

PINTURA: como em alvenaria, as paredes de drywall podem ser pintadas normalmente com qualquer cor, com uma vantagem elas são lisas e não precisam de preparo para pintura.

CERÂMICA: sobre as placas de drywall recomendadas para uso de banheiro pode ser colocado azulejo ou cerâmica. Mas, cuidado! A fixação deve ser feita utilizando uma argamassa flexível tipo ACII ou ACIII.

TEXTURA: no drywall ainda pode ainda pode ser colocado textura sem medo, deixando seu ambiente ainda mais bonito e aconchegante!!

PAPEL DE PAREDE: por ter uma superfície lisa o drywall é ideal para receber papel de parede e deixar um acabamento perfeito! Apenas lembre-se de seguir as recomendações do fabricante para aumentar a durabilidade da aplicação.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Para mais informações sobre instalação e venda de placas de drywall deixe seus dados no formulário abaixo que em breve retornaremos:

5 maneiras de usar drywall na decoração

Olá pessoal!! Para quem ainda não sabe o que é drywall, saiba que é o sistema de construção mais prático que consiste de placas em gesso que facilita e agiliza a construção de divisórias e paredes internas. Bom agora que você já sabe o que significa, fica aqui mais dicas de outras formas de usar o sistema drywall:

COMO SANCAS: imagesAs sancas feitas com drywall permite recortes e curvas dando mais liberdade a criação aos decoradores e arquitetos, além de ajudar na iluminação indireta, dando um toque especial.

 

 

kaza-80-arquiteta-sueli-adorniCOMO PAINÉIS: Você pode criar um grande painel com nichos iluminados e dar um toque especial a sua sala de estar, escritório, quarto do casal ou do bebê.

 

 

 

 

f5ce8351-0f9d-47e1-9a11-4f7a9810ff12HOME THEATER: Para esconder fios da TV e aparelhos eletrônicos, nada melhor que um home theater feito de drywall, além de estético ajuda também na acústica do ambiente.

 

 

lareira-revestimento-drywall.jpgLAREIRA: Uma prova da resistência do drywall é a possibilidade de se construir um lareira e para dar um toque de acabamento pode colocar granito ou placa cimentícia.

 

 

d7b071a717cfab2ca60cef3bf840126cBANCADAS DE BANHEIRO: Outra prova da resistência é o uso em lugares úmidos como o banheiro. Você pode criar uma bancada toda em drywall.

 

 

 

 

 

 

 


Para mais informações é pedido de orçamento deixe seus dados no formulário abaixo que em breve retornaremos:

Faça pequenas reformas com Drywall

As mais avançadas tecnologias no setor da construção civil não precisam necessariamente ser utilizadas na execução de novos empreendimentos. Elas podem estar presentes em simples reformas, e proporcionar inúmeras vantagens técnicas, estéticas e financeiras.
O sistema assegura uma reforma rápida, com prazo definido, gerando menos entulho ou transtornos e tem preço 50% mais acessível.

Cada vez mais popularizado no País, o sistema de paredes, forros e revestimentos em drywall é uma dessas tecnologias, e tem conquistado arquitetos e engenheiros, que optam por esse processo em seus projetos de reforma. O drywall oferece inúmeras vantagens, que podem gerar uma economia de até 50% na reforma, sem contar com a redução de até 30% no índice de desperdício e com os entulhos tão indesejáveis numa obra.

Vantagens

Em virtude da facilidade de instalação do produto, o período de execução é muito mais curto e definido. Uma parede de 3 x 10 m, por exemplo, é erguida em dois dias, contando com o acabamento. Primeiro ergue-se a estrutura metálica, executada com montantes de aço galvanizado, que vai do chão até a laje. Nela, parafusam-se as placas de gesso de uma face da parede. Em seu interior são fixadas as instalações elétricas e hidráulicas, que permanecem totalmente ocultas. Logo em seguida, vem o fechamento da outra face da parede.

gesso_acartonado

As paredes em drywall têm espessuras menores que as convencionais, o que aumenta a área útil entre 5 e 7 cm. Podem ser retas ou curvas, e receber qualquer tipo de acabamento: pintura, azulejo, mármore ou fórmica. Mesmo com paredes mais finas, o isolamento acústico em drywall é igual e. em alguns casos, até superior às alvenarias, porque utiliza painéis de lã mineral como revestimento entre as placas de gesso.

A mesma rapidez que se tem na aplicação, aparece na necessidade de uma futura manutenção. No caso de problemas hidráulicos ou falhas na fiação elétrica, por exemplo, o único trabalho é detectar o lugar exato, cortar a placa e reparar o defeito. Sem sujeira ou barulhos estrondosos, depois de feito o reparo, o instalador restaura a parede em drywall. 

e2c9537295383b47251f8b1ed7ceb53e

Para o seu conhecimento

O sistema construtivo em drywall é executado com placas de gesso, compostas por um miolo de gesso e aditivos, envolto por cartão especial. A soma desses elementos, resistentes a esforços de compressão, resultam em uma superfície de revestimento ideal para acabamento.

5

A Elegancy Forros comercializa e instala drywall, basta solicitar seu orçamento no formulário abaixo:

 

Fonte: Forum da construção

12 motivos para você utilizar parede drywall

Este é um post para desmistificar a parede drywall. Para quem ainda tem dúvidas sobre este tipo de construção, veja abaixo 12 motivos para utilizar a parede drywall em sua casa, apartamento, escritório, empresa, indústria. O drywall já está presente há mais de 20 anos no Brasil e é uma inovação em economia de tempo e material na sua obra, além de gerar menos entulho e menos sujeira.

  1. A Parede Drywall é mais fina em sua espessura, proporcionando um aumento de até 5% na área útil dos ambientes;
  2. O peso do drywall acabado é menor, inclusive reduzindo a necessidade de algumas vigas e pilares, diminuindo a carga total da estrutura e fundação da edificação;
  3. Com o gesso acartonado é possível obter um ótimo isolamento acústico e térmico, dependendo da estrutura interna projetada pode até ser melhor que o desempenho da alvenaria;
  4. É resistente ao fogo, pois 20% do seu peso é composto por água, reduzindo a propagação da chama. Existem modelos de placas que atendem com melhor desempenho ao quesito “resistência ao fogo”;
  5. Praticidade nos projetos de instalações elétricas (lembrando que as caixas deverão ser específicas para parede de Drywall), hidráulicas, de gás, de telefone e outras são de fácil execução.
  6. Utiliza materiais que segue normas rígidas de fabricação ;
  7. É de fácil execução, por utilizar um sistema pré-fabricado modulado: através de marcações, as guias são facilmente instaladas, sendo parafusadas no piso e no teto, reduzindo o tempo de obra e de custos com os prestadores de serviço;
  8. Sistema de construção a seco: não existe umidade durante a sua construção, descarta pouco material e produz pouco resíduo (evitando perdas e proporcionando mais higiene e limpeza);
  9. A parede drywall pode receber vários tipos de acabamentos: como pintura, textura, colocação de azulejos e pastilhas, revestimentos com papel de parede, lambris de madeira e até mesmo revestimento com mármore e granito;
  10. O seu acabamento é muito bom e proporciona uma superfície única, com um aspecto liso.
  11. Caso sejam necessários reparos ou manutenção,  também não haverá toda aquela sujeira e quebradeira que as paredes comuns de tijolos ou blocos fazem.
  12. É mais barato construir com drywall do que com alvenaria convencional. Quando comparado com o sistema construtivo tradicional (em alvenaria), o custo é cerca de 10% menor – segundo, por exemplo, um estudo de caso apresentado na Revista Pini “Gesso Acartonado x Alvenaria de bloco cerâmico”.

Fonte: Blog do drywall


Para mais informações e pedido de orçamento fale conosco pelo whatsapp (11) 95618-5104 ou deixe seus dados no formulário abaixo que em breve retornaremos

Troque alvenaria por Drywall

loja-bx

Flexibilidade é um termo freqüentemente associado à tecnologia do drywall. Não sem motivo. De um lado, é possível projetar e montar paredes, forros e revestimentos com curvas, recortes e outros detalhes que, pelos métodos construtivos convencionais, demandariam muito mais tempo, impondo dificuldades. Isso assegura aos arquitetos e designers de interiores ampla liberdade de criação.

Paredes-Curvas-com-Drywall

Por outro lado, casas e apartamentos com paredes internas em drywall podem ter sua distribuição física modificada com grande facilidade. A remoção de paredes existentes pode ser feita com rapidez e praticamente sem sujeira, o mesmo ocorrendo com a montagem de novas paredes. Hoje, grandes construtoras já oferecem essa flexibilidade como uma vantagem a mais aos seus clientes – que, assim, têm a possibilidade de adquirir um imóvel com um layout interno de acordo com as características de sua família, modificá-lo sem problemas no futuro, quando a família crescer ou diminuir, e ainda contar, em razão dessa flexibilidade, com maior facilidade para a eventual revenda da casa ou do apartamento.

drywall-em-áreas-úmidasAlém disso banheiros e áreas molhadas, como as de serviço por exemplo, também podem se beneficiar desta tecnologia inovadora que são as paredes de drywall, pois recebem tratamento especial.

 

 

Fonte: Drywall.org

Fotos retiradas da internet

Para mais informações e pedido de orçamento NÃO PERCA TEMPO, deixe seus dados no formulário abaixo que teremos o prazer de atendê-lo:

Divisórias para escritório

divisorias-para-escritorio-6

A decoração bem planejada e a utilização otimizada do espaço físico de escritórios e ambientes corporativos são fatores que influenciam diretamente a produtividade das pessoas que ali convivem e trabalham diariamente. O ambiente de trabalho tem de ser agradável e trazer conforto e praticidade, fazendo com que as pessoas se sintam bem-humoradas e motivadas a desempenhar suas funções com excelência.

Dentro desse contexto, a utilização de divisória para escritórios é extremamente útil, pois, além da separação física de ambientes, ela promove um melhor aproveitamento do espaço livre e, dependendo do material do qual são fabricadas, podem, inclusive, fazer parte da decoração do escritório.

A Elegancy Forros trabalha com 3 tipos de DIVISÓRIAS, veja abaixo:

DIVISÓRIA PVC:

As divisórias de PVC se caracterizam por poder dividir qualquer ambiente com todas as vantagens das divisórias de madeira e ainda somando as vantagens que tem por serem produzidas em material plástico.

As Divisórias de PVC foram projetadas para dividir espaços comerciais com praticidade e inteligência.As Divisórias de PVC se adaptam aos mais variados ambientes e valorizando e personalizando escritórios, lojas e empresas em geral. As Divisórias de PVC, são 100% resistentes a umidade, dispensa, pintura e são duráveis. As Divisórias de PVC são resistente à ação de fungos, bactérias, insetos e roedores.

As Divisórias de PVC são considerados os mais versáteis dos plásticos, esse composto químico é visto atualmente como um material diferenciado, inovador, sofisticado, competitivo e moderno, que atende às mais diversas necessidades e está presente no dia-a-dia de todos nós. Nos últimos anos, o consumo mundial dessa resina registrou crescimento médio anual de 4,3%, sendo que no Brasil o aumento foi de 7,1%. As Divisórias de PVC não propaga chamas: é auto-extingüível.

DIVISÓRIAS NAVAL:

A Divisória Naval é um produto simples, porém uma ótima opção para divisão interna de espaços, sendo bem requisitada em ambientes corporativos e médicos. A Elegancy Divisórias é especializada em instalação de divisórias naval e oferece as melhores soluções para a utilização deste produto.

As Divisórias Naval são constituídas por painéis de 35 ou 48mm com miolo MSO (colmeia) ou Isoplan (á base de vermiculita expandida e lãs minerais), unidos por perfis de aço galvanizado ou alumínio anodizado, e revestidos com chapas de Eucaplac UV (chapa dura de fibras de eucalipto prensada) ou de Formidur BP (chapa dura de fibras de Eucalipto prensada com resinas melamínicas), em diversas opções de cores e acabamentos.

Os painéis das divisórias naval têm dimensões máximas de 1,20×2,10m e podem ser paginados de diversas maneiras, sem perder o bom aproveitamento que proporcionam. Além disso, é possível a colocação de vidros com espessura de até 8mm, de acordo com padrões comuns de paginações estabelecidos no sistema.

Vantagens:

Alta durabilidade;
Alta rigidez e elasticidade;
Facilidade e rapidez na instalação;
Variadas cores e acabamentos;

DIVISÓRIAS DE DRYWALL:

O Sistema Drywall consiste numa edificação de paredes de gesso que são mais leves e com espessuras menores que as das paredes de alvenaria. São chapas fabricadas industrialmente mediante um processo de laminação contínua de uma mistura de gesso, água e aditivos entre duas lâminas de cartão.

O método está sendo muito utilizado na construção civil, principalmente para áreas comerciais. As paredes de gesso drywall permitem instalações elétricas e hidráulicas atraves do sistema de fixação a polvora em tetos ou aparafusadas em perfis de aço galvanizado. Além disso, adaptam-se a qualquer estrutura, como aço, concreto ou madeira. A montagem do Sistema Drywall é fácil, com redução de prazo de entrega e, consequentemente, custos menores.

Para mais informações ligue (11) 2595-4700 ou deixe seus dados no formulário abaixo que retornaremos: