Teto colorido: nova tendência da decoração

QUEM DISSE QUE O TETO SÓ PODE SER BRANCO??? A TENDÊNCIA DO MOMENTO É COR!! MUITA COR NO TETO DANDO O DESTAQUE DA DECORAÇÃO!

Teto-pintado-8

Uma tendência nos últimos tempos, transformar o teto no ponto focal dos ambientes pode ser uma ótima ideia para brincar com as cores e dar um toque moderno a sua decoração!

a114e31972e3a82c19a77c23cfce05de

tendência de colorir os tetos vem marcando presença no exterior já há algum tempo, mas recentemente chegou ao Brasil. Que bom que agora temos mais um lugar para soltar nossa criatividade na decoração de casa fugindo do convencional!

teto-colorido-2

Dicas para escolher a cor do teto

Dica no1: Observar o tamanho do ambiente

Se você deseja pintar o teto de um cômodo pequeno, saiba que como as cores escuras dão a sensação de teto mais baixo, pode resultar em uma sensação de ambiente ainda menor. Então qual seria a solução nesse caso? Você não precisa necessariamente pintar o teto de um ambiente pequeno apenas de branco, você pode pintar com cores mais claras como as nos tons-pastel.

Tetos em tons pastel
Tons pastel – alternativa para cômodos pequenos.

Dica no2: Coordenar com as demais cores já existentes no ambiente

Se você vai carregar na cor do teto é mais fácil que as paredes, o piso e os móveis tenham cores mais claras e neutras.

Mas se o ambiente for bem iluminado e amplo você pode colocar cores intensas no teto sem medo, desde que a(s) cor(es) escolhida(s) componha(m) com as do ambiente. Ou seja, a cor do teto deve ter harmonia com as dos demais elementos do ambiente.

 

Tetos coloridos
Teto amarelão compondo com as almofadas, quadro, cadeira e elementos decorativos do ambiente. Paredes e móveis brancos.

Dica no3: Lembrar que o teto não precisa ser liso

Já que você resolveu brincar com as cores, que tal acrescentar também uma estampa?  Você não precisa se limitar a uma cor só no teto.

Outras opções além da pintura são o papel de parede ou mesmo alguma textura ou composição com o gesso.

Tetos coloridos

Fonte: https://www.almanaquedamulher.com/


 

Para mais informações e pedido de orçamento de FORROS e DRYWALL deixe seus dados no formulário abaixo  que em breve retornaremos:

 
 

Dicas de decoração da sala de estar

decoracao-sala-de-estar-3

Decorar sua sala de estar tal qual a página de uma revista ou a vitrine de loja de móveis pode ser o sonho de muitos, principalmente em casas com espaços mínimos que requerem o máximo de criatividade para o bom aproveitamento de cada centímetro. Mas por onde começar, o que fazer e onde comprar são algumas das dúvidas que fervilham na cabeça de qualquer pessoa que não escolheu seguir carreira de decorador.

Por isso, para fugir de algumas armadilhas e dilemas, preparamos cinco dicas para você que está pensando em decorar sua sala de estar com muito estilo e conforto (e a um preço justo). O segredo está em se preocupar primeiro com as grandes decisões, o que poderá lhe poupar tempo e dinheiro por evitar desperdícios e retrabalhos.

1- SEJA BEM-VINDO

Esta será sua sala de estar e você deve ser bem-vindo em seu lar! Ter isso em mente, em todas as etapas do planejamento, irá ajudá-lo a imprimir seu estilo próprio na escolha dos móveis, cores e objetos de decoração.
DICA: Faça uma lista de tudo aquilo que é importante para você neste ambiente (ex: porta-retratos, quadros, televisão, assentos para visitas, estantes para livros, etc). Se você divide seu espaço com seu amor, compartilhe essa experiência e crie uma lista em conjunto na busca de itens essenciais e comuns a ambas as partes. Colecione fotografias de revistas ou da internet e monte um painel com ideias e elementos com as quais você se identifica. Materializar ideias é essencial para diminuir a ansiedade gerada pela indecisão.

 

2- SALA DE ESTAR, CONVERSAR, TRABALHAR, COMER…

Já foi-se o tempo em que uma sala podia se dar ao luxo de ter apenas uma função! Aproveite esta flexibilidade moderna para dar à sua sala funções que irão tornar seu espaço mais adequado às suas necessidades. Não tenha medo de abrir mão de uma mesa de jantar caso você não tenha o costume de oferecer jantares em sua casa com frequência.

Também não é problema reservar um cantinho para um escritório particular, um ateliê de arte, um cantinho de leitura ou até um espaço de brinquedos para seus filhos. O importante é não desperdiçar nenhum centímetro cúbico sequer com espaços que só irão acumular.

DICA: Considerando o seu estilo de vida, liste as funções que você gostaria de dar à sua sala de estar. Não tenha medo de ousar, seja sincero consigo mesmo. Procure escolher funções entre os hábitos comuns para melhor aproveitar o ambiente.

3- LUZ, CÂMERA, AÇÃO

Reserve um tempinho para prestar atenção em dois detalhes fundamentais mas que são frequentemente esquecidos por quem não é especialista em decoração: iluminação e tomadas. Tudo bem se você não souber usar a iluminação natural das janelas para dar harmonia ao ambiente, porém, você deve fugir do mico de colocar a televisão justamente na parede mais iluminada da sala.

Nem sempre podemos mudar a disposição dos móveis para evitar este tipo de problema (principalmente em salas muito pequenas), porém ter isso em mente pode lhe ajudar a antever dificuldades, estimar gastos e até mesmo encontrar soluções criativas desde o início.

O outro detalhe importante são os pontos de energia e outras saídas como cabos de televisão e telefone. De repente, você se programa para colocar o sofá na única parede que tem saída para o cabo da televisão e, adivinha, o sofá não cabe na outra parede na qual você simplesmente poria o hack (já entendeu a dor de cabeça?)

DICA: Antes de sair procurando móveis, saiba exatamente onde estão as tomadas. Vale a pena até fazer um esboço da planta da sua sala para você não esquecer!

 

4- TUDO NA MESMA RÉGUA

É um erro bastante comum confiar no olhar na hora de projetar um ambiente. Quando nos deparamos com um cômodo vazio temos a sensação de que ele é maior do que realmente é. Soma-se a isso a falsa ilusão de que os móveis em uma loja são menores do que realmente são (devido ao pé-direito alto e paredes afastadas).

O resultado: o sofá, por exemplo, pode ficar muito maior do que o previsto (ou simplesmente não caber!). Para evitar essa dor de cabeça, antes de sair à caça dos móveis dos seus sonhos, meça seu espaço e estime o tamanho máximo de cada peça que você pode colocar em sua sala.

DICA: Existem vários aplicativos para tablets e smartphones que podem ajudá-lo nesta tarefa! Vale a pena conferir em um site de busca ou na loja virtual do seu smartphone, aplicativos de decoração e arquitetura. Alguns destes inclusive medem paredes, quinas e curvas sem você precisar sofrer. Um bom exemplo é o aplicativo RoomScan.

Independentemente da ajudinha do mundo virtual, não abra mão de pegar uma trena e fazer marcações nos lugares onde você espera que acabe o sofá e comece a mesinha de centro, por exemplo. Você pode se surpreender com o espaço que tudo ocupa.

 

5- MINHA SALA, MINHA VIDA

Agora, não se esqueça do mais importante! (Não, ainda não é a cor da parede ou o estilo do sofá). O mais importante é lembrar que você irá viver nesta sala. Isso significa que você pode fazer um projeto incrível, minimalista e que dê a você uma sala incrivelmente espaçosa, porém, diferentemente da sala da revista, sua vida não tem apenas um vaso, um porta-retratos e seis livros (todos do mesmo tamanho).

A magia das fotografias e vitrines está no fato de que cada elemento da composição está lá para dar harmonia ao conjunto. A menos que você seja uma pessoa extremamente organizada, meticulosa e desapegada a bens materiais, não se esqueça que suas “coisinhas” precisam ter lugar! Um exemplo muito banal é o caso dos controles remotos: em geral não nos preocupamos em determinar um lugar para eles e, no fim, estamos sempre à caça dos controles!

DICA: Olhe para sua sala atual, ou pense nas salas que você já habitou. Que objetos você notou que estão meio “fora do lugar” e que você sabe que não poderá descartar (como os controles remotos)? Que necessidades específicas você tem e precisa se planejar (você é um colecionador compulsivo de DVDs? Então programe-se para ter espaço de sobra para sua coleção!).

Com estas dicas você terá mais segurança em se aventurar no mundo da decoração pois saberá avaliar o que é mais importante para você, e principalmente o que não é! Nem sempre o que é tendência no momento atende às suas necessidades e estilo, e nem sempre você precisa de móveis novos para repaginar um ambiente. Mas com planejamento e com a mente limpa você certamente fará boas escolhas


Fonte: Casa bem feita

 

Para pedido de orçamento ligue (11) 2595-4700 ou preencha o formulário abaixo